Silêncios do jornal A Notícia acerca da resistência das Comunidades Eclesiais de Base frente à Ditadura Militar entre 1975 e 1980

  • Fernanda Eliza da Silva Faculdade Ielusc
  • Marília Crispi de Moraes Faculdade Ielusc

Resumo

O artigo, elaborado a partir de trabalho de conclusão do curso de Jornalismo, busca explicar como o jornalismo local de Joinville, maior cidade de Santa Catarina, produziu ou deixou de produzir sentidos e história - no período de 1975 a 1980 - acerca dos primeiros cinco anos de trabalho popular desenvolvido pelas Comunidades Eclesiais de Base (CEB), grupos ligados à Teologia da Libertação e à Igreja Católica, que resistiam e lutavam contra a Ditadura Militar e contra a opressão da classe trabalhadora, opressão de gênero, étnica e racial. As escolhas narrativas do veículo de comunicação mais importante de Joinville, na época, e atuante até o presente, demonstram deliberada ocultação de certos fatos e discursos em detrimento da divulgação de versões convenientes aos interesses de grupos dominantes.

Publicado
2020-12-20
Como Citar
DA SILVA, Fernanda Eliza; DE MORAES, Marília Crispi. Silêncios do jornal A Notícia acerca da resistência das Comunidades Eclesiais de Base frente à Ditadura Militar entre 1975 e 1980. Redes - Revista Interdisciplinar do IELUSC, [S.l.], v. 1, n. 3, p. 209-220, dez. 2020. ISSN 2595-4423. Disponível em: <http://revistaredes.ielusc.br/index.php/revistaredes/article/view/96>. Acesso em: 17 set. 2021.