O Programa de Saúde na Escola como uma tecnologia de educação em saúde um relato de experiência

  • Adelmo Fernandes do Espírito Santo Neto Faculdade Ielusc
  • Gabriela Theinel Faculdade Ielusc
  • Nathália Coelho Honório Cremasco Faculdade Ielusc
  • Natália Vinotti Lange de Souza Faculdade Ielusc
  • Thatiana Hardt Faculdade Ielusc

Resumo

Com o findar da graduação, a prática no estágio supervisionado proporciona ao acadêmico um olhar crítico no viés teórico-prático da atuação na comunidade, tratando-se de saúde coletiva. Por meio do Programa de Saúde na Escola (PSE) vinculado ao PSF é possível trabalhar educação em saúde, sanando dúvidas e dogmas acerca de temas relevantes à determinada localidade, dentro da sua necessidade. Este artigo tem como objetivo relatar a experiência das acadêmicas de enfermagem na atuação do PSE levando educação em saúde sobre alimentação saúde. Tratou-se de um relato de experiência, utilizou-se de metodologia a pesquisa descritiva em caráter qualitativo. As atividades foram desenvolvidas e planejadas ao público do 1º ao 4º ano e do 5º ao 9º ano do ensino fundamental separadamente. Tivemos como referência sobre a temática os manuais do Ministério da Saúde, a confecção dos materiais didáticos utilizados se deu no espaço físico da escola. Em virtude da experiência apresentada e, conforme o Ministério da Saúde, identifica-se o PSE como um meio que possibilita uma fundamentação teórica específica para elaboração das ações direcionadas, integrando saúde e educação para uma melhor qualidade de vida.

Publicado
2020-12-20
Como Citar
SANTO NETO, Adelmo Fernandes do Espírito et al. O Programa de Saúde na Escola como uma tecnologia de educação em saúde um relato de experiência. Redes - Revista Interdisciplinar do IELUSC, [S.l.], v. 1, n. 3, p. 123-130, dez. 2020. ISSN 2595-4423. Disponível em: <http://revistaredes.ielusc.br/index.php/revistaredes/article/view/84>. Acesso em: 17 set. 2021.